Aplicativo Cidadômetro entra em operação

Nele, o usuário pode abrir um chamado sobre qualquer problema que seja de responsabilidade do poder público. Confira um passo a passo sobre como utilizá-lo

O vereador Antônio Almeida Filho é o embaixador do aplicativo em Caçapava (Crédito: Luiz Felipe de Oliveira)

Os caçapavanos agora têm uma nova ferramenta para encaminhar as demandas do município aos setores responsáveis. Isso porque o aplicativo Cidadômetro, que promete auxiliar a comunidade na otimização e na desburocratização do serviço público, tornando-o mais ágil, começou a operar na cidade na quinta-feira (28). Para ter acesso às funcionalidades, basta se cadastrar.

Ao abrir um chamado, o Cidadômetro automaticamente localiza onde está o usuário, que só precisa selecionar a categoria do problema (buraco na rua, trânsito, acessibilidade, falta de medicamento, entre outros), descrevê-lo, fotografá-lo e encaminhar o material para o embaixador do aplicativo, que, em Caçapava, é o vereador Antônio Almeida Filho (MDB). Como embaixador, ele valida os chamados, encaminha para o setor público responsável e atualiza o andamento do serviço a partir de informações prestadas pelo setor ou pelo próprio cidadão.

Na página inicial do aplicativo, o usuário também tem acesso a um mapa do município com todos os chamados em andamento. Desse modo, além de poder informar um problema, também pode acompanhar o status dos demais serviços. Outro ponto importante da ferramenta é que a identidade de quem abre a solicitação de serviço fica anônima, tanto para o setor que receberá a demanda, como para outros usuários.

Segundo Antônio Almeida Filho, o Cidadômetro vem para facilitar o modo como as pessoas encaminham suas solicitações ao poder público.

– O objetivo maior é que elas sejam atendidas – afirmou.

Ainda de acordo com o vereador, Caçapava é o primeiro município do Estado a utilizar esse aplicativo. No país, ele está disponível em 10 cidades.

Sobre a recepção do Cidadômetro aqui e quais as expectativas dos seus impactos, Almeida Filho disse estar otimista e com bastante esperança de que seja realmente útil para a comunidade.

– Nossa expectativa é de que essa ferramenta inovadora seja capaz de auxiliar os cidadãos, as pessoas de Caçapava do Sul, a solucionar as suas demandas frente ao poder público – finalizou.

O Cidadômetro pode ser baixado de forma gratuita na PlayStore (Android) e na Apple Store (IOS), ou ser acessado diretamente pelo computador.

Confira o passo a passo de como usar o aplicativo:

Primeiro, os usuários devem se cadastrar. Para isso, basta tocar em “Cadastre-se” ou, se tiver uma conta do Google, entrar diretamente com ela, em “Fazer login com o Google”

Para dar sequência ao cadastro, basta preencher seus dados pessoais

Depois de cadastrado, o usuário terá acesso ao mapa da cidade. Os ícones que aparecem são solicitações já abertas, e seus andamentos podem ser acessados por todos.

Para abrir um chamado, basta tocar em “+ Abrir um Chamado”. Ao fazer isso, o aplicativo identifica a localização do usuário em tempo real. Depois, é só tocar em “Selecionar Categoria do Problema”.

Após selecionar uma delas, o usuário também poderá adicionar uma descrição do problema. Depois, basta tocar em “Selecionar Imagens”, tirar ou escolher as fotos do problema, e tocar em “Criar”, logo abaixo.