Mais fortalecidos na Fé para 2024

Penso que as pessoas que estiverem agindo nas vibrações do bem, em si e em suas comunidades, estarão cada vez mais fortalecidas para enfrentar o que acontecer pelo planeta

Cada um de nós procure se envolver em energias mentais, espirituais e físicas para recebermos o ano de 2024, que vai iniciar daqui três horas e meia, aproximadamente (escrevo este texto às 20h38min deste domingo). Devemos tentar aumentar nossa força mental para nos concentrar no que estamos mentalizando e almejando para a passagem no portal da meia-noite.

Pessoalmente, estarei em orações de gratidão, orando ao Pai Celestial pelas bênçãos recebidas, pelas lições bem ou mais ou menos aprendidas, e desejando o melhor para nossa sociedade planetária. Meus sentimentos de conquistas edificantes para nossas famílias.

Minha intuição me leva a sentir que será um ano de muita turbulência mundial, tanto na geopolítica quanto nas convulsões planetárias, continuando mudanças importantes em todos os continentes, mudanças no clima, pois está tudo interconectado. A ONU emite cada vez mais alertas para os governos, a revisarem suas políticas de prevenção para desastres ambientais.

Comentando, nas rodas dos cafezinhos, alguém disse: “Se a Lua tiver que cair em nossas cabeças, que nos pegue nas orações”. Penso que as pessoas que estiverem agindo nas vibrações do bem, em si e em suas comunidades, estarão cada vez mais fortalecidas para enfrentar o que acontecer pelo planeta, porque estão psiquicamente em condições melhores para agirem com mais discernimento e crenças, com Fé firme e mais teimosa nas ações do bem, não só em suas famílias, mas sendo mais compreensivas e solidárias. A solidariedade funciona nas horas mais prementes e angustiosas.

Existem fatores que atingem a Humanidade que não podemos evitar. Essa de que o Sol teve seu eixo inclinado seis graus é preocupante. Mas será que é verdade? Há alguns anos, sonhei com mudanças na Terra, na Lua e em todo o Sistema Solar. Nem me atrevo a descrever aqui e a comentar por aí. Não somente eu tive este sonho, mas centenas de pessoas pelo mundo. Mas como o povo diz “o que tiver que ser, será”.

Que cada um de nós forme uma corrente firme e solidária, envolvidos por verdadeiras vibrações de natureza de Amor pelos entes familiares, fortalecendo a família, e por sua coletividade. Mas acreditar verdadeiramente. Em 2024, vamos seguir teimosamente pelo Caminho do Bem.